quarta-feira, 25 de julho de 2018

O quarto do Duarte (re)decorado

Quando começamos a projectar o quarto do bebé e ele ainda está na barriga da mãe, acabamos por criar uma ligação com essa família. Neste caso a ligação vem de muito antes do Duarte nascer já que sou amiga da Raquel e do Diogo há muitos anos e sou a madrinha destes meninos lindos que vos vou mostrar a seguir.

Neste momento fazia sentido redecorar o espaço para receber o novo membro da família: o Xavier. :)

Foi um desafio que eu a Miriam aceitámos com imenso gosto.

A ideia dos pais era, a medo, alterar as cores do quarto. Digo a medo porque gostavam muito do azul claro que existia mas achavam que o Duarte já merecia um espaço de menino mais crescido.

É muito bom quando temos a oportunidade de mostrar como o mesmo espaço pode ficar tão diferente quer em termos de decoração quer em termos de aproveitamento de espaço. Tudo depende do que se pretende para aquela fase da vida dos pequenos. Outro desafio é fazer sempre valer a pena a mudança em termos de decoração.

O quarto do Duarte e do Xavier é um espaço esconço e quando se entra nele vazio, é fácil achar que vai ser impossível caber o que quer que seja. A decoração é maravilhosa por isso mesmo porque conseguem-se fazer milagres em espaços difíceis.

Cada caso é um caso e neste, por exemplo, não era necessário pensar num roupeiro para o espaço. Sorte dos meus meninos que ficam, assim, com mais espaço para brincar.

Era, sim, importante introduzir mais uma cama, neste caso de grades, sem parecer demasiado cheio. E ainda criar um espaço de leitura novo, um cantinho de actividades, um espaço lúdico, alguma arrumação e muito espaço de circulação. Parece uma lista grande para um espaço tão pequeno mas conseguimos. E a Raquel é aquela cliente que gosta de meter mãos à obra e gosta de fazer muita coisa sozinha.

Acabámos por conseguir em conjunto, dar uma nova cara ao quarto para que o Duarte se sinta confiante para dormir lá agora que tem um maninho com quem partilhar tudo (quem segue o blog da Raquel sabe do que falamos :)).

Há pais que nos procuram com este pedido específico: convencer o filho, através de uma nova decoração, a querer dormir no quarto. Nada como um espaço lindo e confortável para que nos apeteça estar lá.

Tudo começou no papel de parede que a Raquel queria que parecessem tábuas de madeira pintada. Depois de vários modelos parecidos, acabámos por escolher um num tom mais claro, com aspecto mais natural.

A partir daí tudo ficou mais fácil. No final conseguimos um quarto com muita luz e, por sua vez, com uma sensação de amplitude maior.

Há muito espaço para os dois.

A sessão fotográfica foi muito divertida. O Duarte, o mais crescido, não resistia a espreitar para ver o que a madrinha andava a fazer no espaço dele e a Liete quis registar o momento. Ah! Levei a minha mais nova, a Francisca.

Acho que o sorriso do Duarte mostra bem que gostou do resultado. :)

Vejam o Antes e Depois.

O quarto antes da 1ª Intervenção


O quarto decorado com azul claro.
Gostamos muito e costumamos usar papel no tecto em vários projectos.






A nova decoração a pensar no Xavier

















Fotografia: Liete Couto Quintal



Sem comentários:

Enviar um comentário