segunda-feira, 15 de abril de 2019

O escritório que passou a ser quarto da Maria

A Maria tem 7 anos e passou (há muito pouco tempo!) de filha única a mana mais velha.
A nova gravidez da mãe foi a oportunidade perfeita para a Maria passar para um quarto novo, à sua medida.

O ponto de partida para este desafio foi o pedido para transformarmos o então escritório da casa, num quarto para esta menina feminina, energética e com muitos brinquedos, livros e jogos para arrumar.


E o porquê de chamar-lhe mesmo um grande desafio??

A divisão não tem uma área muito grande e as duas paredes maiores do quarto estavam ocupadas: uma pelo roupeiro embutido e outra, de frente para a entrada do quarto, por uma estante grande, em madeira maciça escura, com grande impacto visual no quarto.

Deveria ter zona de dormir, zona de estudo, espaço para brincar e muita arrumação.

Questão: Caso tenha móveis de qualidade , cuja função seja sirva para a que pretende (neste caso, muita arrumação), porque não transformá-los?

A transformação do escritório da casa em quarto da Maria começou pelas paredes e pela estante existente.

A nova cor da estante (fotografia de telemóvel) 

A nossa equipa começou por retirar o papel de parede de cor forte existente numa das paredes.
Esta transformou-se numa superfície branca, pronta para receber os stickers decorativos que iriam dar destaque à parede escolhida para a cabeceira da cama.
 Uma cama muito especial, peça de família, que foi também tratada e transformada.

A  cabeceira da cama antes de ser renovada (fotografia de telemóvel)


A escolha de tons claros para as áreas e peças maiores do quarto fazia todo o sentido, com predomínio do branco e cinza (a pedido da cliente), e apontamentos de rosas e madeiras claras , com várias formas e texturas para adicionar interesse visual.


A grande estante foi pintada num tom cinza claro e usámos o mesmo tom para uma barra horizontal, espécie de lambrim que se prolonga pela restante parede e se se estende para a zona de estudo, acompanhando a altura da secretária.
Este é um pequeno «truque» para poder criar vários pontos de interesse visual, mesmo quando o espaço é pequeno.


A escolha de cortinas brancas de onda, num tecido que filtra a luz natural, sem ser opaco, simples, sem detalhes, é sempre acertada.
Neste caso, ajuda a criar mais uma superfície clara e contínua.


Por fim, fundamental para o conforto e unificação de zonas, um tapete grande, cinza claro, lavável na máquina, adequado a qualquer espaço e onde a Maria poderá brincar confortavelmente.


Este foi um dos «antes e depois» mais distantes de todos os que já fizemos. Ficámos muito felizes com o resultado, com a reacção dos clientes quando lhes mostrámos o quarto e da pequena Maria, que pudemos também ter o prazer de ver.



Antes ( fotografias de telemóvel)

É sem dúvida para isto que trabalhamos. 

O próximo que partilharemos será o quarto da mana (que já nasceu!). Curiosos?

Beijinhos, 
Kátia e Miriam

Fotografias do depois por Liete Couto Quintal  -  LCQ Photography

Sem comentários:

Publicar um comentário